Possíveis e impedimentos ao trabalho do professor educador-pedagogo no setor privado de ensino

Palavras-chave: Trabalho de professor; sentido do trabalho; precariedade subjetiva.

Resumo

O artigo explora os dados de uma pesquisa de campo realizada junto a professores em estabelecimentos privados de ensino fundamental e médio, e de cursos livres de língua estrangeira, com o objetivo de pensar a complexidade da situação do professor no setor privado de ensino, no Brasil. A partir da perspectiva fenomenológica da Clínica de Situações Contemporâneas, as falas dos professores são revisitadas no intuito de engajá-los no amplo contexto do fenômeno social da precariedade subjetiva no trabalho. A partir dessa transposição dos seus dizeres, são descritas algumas dinâmicas de gestão do trabalho do professor, que se configuram no setor de ensino, e, também, são caracterizados os elementos que constituem uma contingência de paradoxos. No cerne da tensão retratada, encontram-se as especificidades do processo de ensino-aprendizagem e o “saber-fazer” dos professores acerca da ação educativa-pedagógica inerente à sua práxis. O “saber-ser” professor colaborador-comprometido com os valores, com as metas, com a missão e com a visão da empresa ou da instituição em que atuam também é resgatado. E, desta forma, o artigo mostra como esse conjunto de injunções contraditórias, e mutuamente excludentes, tende a constituir um quadro de “impedimentos” que ameaçam os “possíveis” capazes de viabilizar o sentido do trabalho do professor. Por meio de diversos relatos e de declarações de professores, o texto faz emergir modos particulares de (re)alocar a tarefa de educar para o centro da atividade pedagógica, evidenciando que os professores não são, nem estão, passivos aos impedimentos que são postos à realização do seu trabalho de educador-pedagogo. À luz das análises realizadas e a partir das falas e dos estudos anteriores que embasam este trabalho, se percebe que os professores são dotados de disposição para participar de intervenções clínicas sobre a sua “situação-no-mundo”. Dessa maneira, se revela que o valor social da função do professor pode contribuir para um futuro distinto do presente, uma vez que não é determinado pelo passado; mas, sim, pelo modo como os sujeitos se instituem na sociedade em que vivem.

Publicado
2020-12-30
Como Citar
Gerheim, M., & Hildenbrand, L. M. (2020). Possíveis e impedimentos ao trabalho do professor educador-pedagogo no setor privado de ensino. Com a Palavra, O Professor, 5(13), 117-131. https://doi.org/10.23864/cpp.v5i13.457